Uncategorized

Como controlar a qualidade da sua cerveja?

A cerveja, como qualquer alimento a ser consumido, precisa de fiscalização. Principalmente, pois ela contém leveduras, um ser vivo, que podem alterar a qualidade do produto. Por isso, é necessário realizar esse controle por meio de análises laboratoriais. Você sabe quais são esses procedimentos e como realizá-los?

Dry Hopping: o que é e para que serve?

É sempre incrível quando você abre uma cerveja artesanal, a despeja em um copo e, antes mesmo que você a leve ao rosto para saboreá-la, aquele aroma cheiroso ativa seu olfato e percorre todo o seu corpo. O que será que é responsável por isso?

Hidromel: A Bebida dos Deuses

Você já ouviu falar do hidromel? Conhece a fundo essa bebida? Leia este texto e saiba mais sobre a famosa bebida dos deuses e o novo minicurso da Protos!

Exemplos de cervejas

Otimização da produção de cerveja

A otimização da produção de cerveja está relacionada com as leveduras, que podem ser reutilizadas para gerar um maior custo benefício a partir de análises de vitalidade, viabilidade e contaminantes.

Exemplos de fermentados: cerveja, queijo e pão

Como funciona o processo de Fermentação?

A fermentação alcoólica ocorre quando alguns microorganismos, chamados de leveduras, fazem a conversão de açúcares como a glicose, frutose e sacarose, produzindo álcool etílico e gás carbônico (CO2). Entre as leveduras se destaca a Saccharomyces cerevisiae,  o famoso “fungo da cerveja”, utilizado na fabricação de cachaça, vinho, cerveja, hidromel e outras bebidas alcoólicas.